Grupo de mulheres “Maria bonita”: fortalecendo vítimas de violência em um CAPS na Amazônia.

Josie Pereira da Mota

Resumo


O grupo de mulheres “Maria Bonita” acontece no CAPS Renascer em Belém-Pa, Amazônia,  e tem como objetivo promover o fortalecimento emocional de mulheres vítimas de violência doméstica e que também são usuárias do serviço de saúde mental. O grupo é coordenado por uma psicóloga e conta atualmente com 10 usuárias. As estratégias utilizadas para alcançar os objetivos propostos são o favorecimento da expressão de sentimentos, ideias e afetos através de dinâmicas de grupos, da abordagem de temas diversos de interesses das mulheres e a realização de encaminhamentos para rede de acordo com as necessidades das usuárias. O grupo ocorre semanalmente, com a duração de 1h e 30 minutos. De acordo com as reflexões das usuárias que participam, da alta adesão percebida e das reflexões da profissional de saúde responsável, o Grupo de Mulheres “Maria Bonita” tem atingido seus objetivos e ajudado a promover saúde no sentido da integralidade buscada pelo Sistema Único de Saúde.


Palavras-chave


Grupo de Mulheres; Violência contra a Mulher; CAPS

Texto completo:

PDF


Revista Diálogos Possíveis. ISSN impresso 1677-7603
ISSN eletrônico 2447-9047